Carbonox

APRENDA



Como escolher um lava botas?

02/02/2020

O Lavador de botas é um item básico para qualquer barreira sanitária em uma indústria de alimentos. Porém com o aumento das exigências sanitárias, esse item vem sendo exigido também em outros estabelecimentos que executam a manipulação de alimentos. Com a exigência em mãos, as pessoas começam a procurar a solução e se deparam muitas vezes com opções que não atenderão o que elas precisam, gerando custos desnecessários e mais transtornos e problemas para resolver.

Visando esclarecer as dúvidas da pessoa leiga em equipamentos, destacamos abaixo alguns fatores essenciais para uma boa escolha de lava botas, de forma que se adquira um equipamento confiável e que cumpra o que é exigido.

1 - A limpeza consiste em lavar com detergente e água - Muitos equipamentos apenas jogam água na bota, isso não é suficiente. O lava botas para cumprir sua função deve jogar água sobre a bota juntamente com detergente - ou seja, deve ter um dosador de detergente incluso - esse item deve ser observado no descritivo do orçamento solicitado ao fornecedor, ou o seu fiscalizador pode exigir posteriormente e aí você terá mais um problema, adaptar e instalar uma peça em um equipamento já adquirido, compre o equipamento completo e evite esse transtorno.

2 - O acionamento da escova deve ser automático - Apesar de ainda serem aceitos os lavadores com escovas manuais, para indústrias não é aceitável que se utilize ainda esse item. Principalmente porque a escova manual é - MANUAL - ou seja, a pessoa limpa a bota mas coloca a mão no ponto mais sujo possível, o que é um contrasenso - portanto opte se possível pelo LAVADOR AUTOMÁTICO COM ESCOVAS ROTATIVAS. Caso for açougue ou entreposto isso deve ser conversado com o órgão fiscalizador.

3 - Equipamento em aço inox 304 - Devido à alta competitividade comercial, muitos - MAUS - fornecedores utilizam o aço inox da linha 400, que tem maior teor de carbono e por isso OXIDA - ENFERRUJA. O aço correto para confecção desse equipamento é o 304, com esse material você irá comprar uma vez só, pois o inox é pra sempre.

4 - Altura da cuba - Mais uma vez para economizar, alguns fabricantes fazem o equipamento com cuba baixa, o que acarreta em sujidades jogadas contra a parede do estabelecimento. O Lavador com cuba alta praticamente envolve toda a parte inferior do operador, as sujidades ficam alojadas no LAVADOR, até mesmo para a facilidade de higienização do próprio equipamento.

5 - Indice de manutenção - Um equipamento de qualidade não dá incomodo, só deve ser realizada a troca de escovas geralmente em uma média de 1,5 a 2 anos de utilização, fora isso o equipamento bem dimensionado não tem pontos de falhas.

Observados esses pontos, você já tem base para adquirir com segurança o seu Lavador de botas.